Alimentos que enganam a fome

images (2)

Encarar uma dieta para se livrar do peso e das gorduras não é uma tarefa fácil. A restrição de doces e biscoitos durante os lanchinhos da tarde pode aumentar a ansiedade e causar muita fome. Para evitar alguns deslizes é preciso comer a cada três horas e apostar em alimentos que driblam o ataque de gula.

Segundo a Dra. Anna Bordini (CRM-111.280), ginecologista e obstetra com prática em oxidologia, a sensação de saciedade é influenciada pelo nível de glicose no sangue e, por isso, é importante manter esses níveis equilibrados. “O ideal é realizar três refeições por dia, intercaladas por pequenos lanches, sendo necessário tomar um café da manhã reforçado depois seguir com um almoço a base de proteínas e carboidratos, e um jantar leve”, explica Anna.

Seguir com uma alimentação fracionada faz toda a diferença para evitar que a fome ataque de uma vez só. “Quando se tem muita fome, a pessoa acaba abusando na quantidade de alimentos em uma única refeição no dia, o que provoca um gasto energético muito grande para o sistema digestivo, causando sonolência e, consequentemente, aumentando a fome”, afirma.

Outra dica para driblar a fome é comer alimentos ricos em fibras. “Estes alimentos, quando chegam ao estômago, formam uma espécie de gel, que atrasam a digestão, induzindo a pessoa a comer menos e gastar mais calorias para digeri-los”, diz a médica.

Controle o seu emocional

Ansiedade, estresse, depressão, angústia e tristeza são sentimentos que podem fazer a pessoa comer mais do que deveria. Segundo Anna Bordini, as pessoas que lidam com essas situações liberam a serotonina no cérebro, uma substância que gera bem-estar quando comem e podem acabar consumindo uma grande quantidade de alimento, colocando qualquer dieta em risco.

Cardápio Antifome

Saiba quais são os alimentos que podem ajudar a segurar a fome por mais tempo:

Café da manhã: O ideal é começar o café da manhã consumindo pão integral, que é rico em fibras e um ótimo aliado para manter os níveis de açúcar no sangue equilibrados. “O pão integral deve ser consumido nas refeições matinais, pois ele permite mais saciedade do que o pão branco, evitando que a fome volte logo”, ressalta.

Além do pão, é permitido o consumo de frutas como o abacaxi, que é rico em fibras e mantém o estômago ocupado na digestão por mais tempo. O queijo branco, ovo e aveia também são recomendáveis. “O ovo e o queijo são uma fonte de proteína que exige uma digestão mais lenta; já a aveia tem a capacidade de prolongar a saciedade”, orienta a especialista.

No almoço: Aposte no arroz integral, abóbora e salada com folhas verdes e cenoura. “O arroz integral vem com uma casquinha que leva mais tempo para ser digerido do que o arroz branco. Dessa forma, o estômago fica cheio e você não pensa em comida tão cedo. Já a abóbora é rica em fibras e tem poucas calorias, por isso, você pode comer a vontade sem ficar preocupada se vai engordar. A cenoura possui uma textura firme e exige que você mastigue muito, induzindo que o cérebro entenda que uma boa quantidade de alimento está sendo ingerida”, esclarece Anna.

Lanche da tarde: À tarde você pode consumir banana, iogurte desnatado, barra de cereais, damasco ou biscoitos ricos em fibras. A banana é rica em fibras, ferro, potássio e triptofano, substâncias que dão energia e diminui a compulsão por comida. Já o iogurte deve ser consumido com a aveia, principalmente se o seu objetivo é enganar o estômago. As barras de cereais que têm castanhas e cereais, como aveia e frutas secas, são as mais indicadas, pois cortam a fome e dão energia. O damasco e o biscoito com fibras também são opções saudáveis para driblar a fome. Porém, eles devem ser consumidos com cuidado (em excesso pode engordar).

Jantar: Consuma peito de peru e folhas verdes no jantar. “A gordura presente no peito do peru estimula o corpo a produzir um hormônio chamado colescistocinina, que corta a gula, enquanto as folhas verdes são campeãs de fibras e exigem muita mastigação, o que é fundamental para o cérebro avisar a hora certa de você comer”, alerta a médica.

Bebidas também enganam a fome: Suco de limão, chá e água estão entre as bebidas que conseguem prolongar a fome. “O limão possui um gosto azedo que logo inibe a vontade de comer algo, e o chá, em geral, acalma o estômago. Já a água ocupa um espaço no estômago, preenchendo a vontade de comer”, recomenda a Dra. Anna Bordini.

Seguindo esse cardápio você consegue controlar a sua fome e não colocar a dieta em risco.

Anúncios

Sobre Guilherme Derrico

Jornalista, músico e viciado em esportes. Sejam todos bem-vindos ao mundo de Derrico. Um abraço!
Esse post foi publicado em Reportagens, Saúde. Bookmark o link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s