Mulheres do século XXI: como conciliar trabalho, filhos e marido?

images (1)

As mulheres que têm jornada tripla vivem uma rotina agitada, trabalham fora o dia todo e, finalmente, quando chegam em casa, ao invés de descansar, elas vão organizar a bagunça, preparar o jantar, brincar com os filhos e dar atenção ao marido. São tantas funções acumuladas que nem sempre é possível dar conta de tudo. As mulheres que precisam conciliar as missões de ser mãe, profissional, esposa, amiga, filha, e tantos outros papéis, sabem que essa não é uma tarefa fácil.

Segundo a psicóloga Josiane Cândido Porto Melo, um dos grandes desafios para as mulheres contemporâneas é equilibrar a responsabilidade profissional com a família. “Apesar de difícil, a tarefa não é impossível e milhares de mulheres provam isso diariamente. Porém, algumas estratégias facilitam a vida dessa mulher trabalhadora, como manter a organização”, explica.

Em primeiro lugar, ela deve deixar de lado a ideia de ser uma ‘mulher maravilha’ e querer dar conta de tudo sempre. “Tem dias que vai ser impossível arrumar a casa, preparar o jantar, ajudar os filhos na lição de casa e dar atenção ao marido. A dica é tentar lidar com tudo isso de forma mais leve”, afirma a psicóloga.

Você pode não estar presente todos os dias no jantar e no almoço, mas mantenha a tradição de tomar um café da manhã todos juntos. Esse é um momento para todos contarem sobre o dia anterior, principalmente os filhos. “É importante manter o contato com os filhos e marido durante o dia. Aproveite o fim da tarde ou horário de almoço para ligar para o marido e conversar. Mesmo a distância, você pode manter a relação familiar intensa. Mais do que quantidade, o importante é a qualidade dos vínculos afetivos.”, sugere Josiane.

E nada de segundo expediente. “Evite trabalhar em casa para adiantar suas tarefas, a menos que seja em casos extremos. O melhor é ter uma rotina saudável e trabalhar não mais que oito horas por dia para que seu marido e filhos tenham espaço na sua vida.”, indica a especialista.

Inversão dos papéis: uma relação delicada

Em algumas famílias ocorre a inversão dos papéis. A mulher vai trabalhar e o marido fica em casa cuidando dos filhos e das tarefas domésticas. A psicóloga Josiane explica que, quando essa inversão acontece por uma questão de necessidade, a relação do casal pode ficar estremecida.

“Como a mulher passa a sustentar a casa, o homem pode se sentir desvalorizado. Esse é um momento delicado da relação, é preciso que o casal converse muito. A mulher deve valorizar seu marido, fortalecendo sua autoestima”, aconselha.

É importante que o marido e a esposa possam se realizar tanto profissional quanto afetivamente.

Trabalhar ou ser mãe?

Mulheres constantemente ficam divididas entre ir ao trabalho e ficar em casa com os filhos pequenos. Muitas vezes, essas mães são pegas por preocupações comuns, como se o filho está bem ou se ele se alimentou. “A mulher não deve assumir para si toda a responsabilidade pelos filhos. É importante deixar o sentimento de super proteção de lado e lembrar que pode contar com a ajuda do marido”, ressalta Josiane.

Trabalhar não a torna uma mãe ruim e quando este tipo de pensamento aparecer, basta se lembrar de que a ação permite dar aos filhos não apenas uma vida mais tranquila, como também mais segura, com mais qualidade na educação, na alimentação, entre outras vantagens.

Superando os desafios

Ser mãe, esposa, cuidar da casa e dos filhos ao mesmo tempo é possível, basta você se organizar. A psicóloga dicas para as mulheres que não conseguem conciliar todos esse compromissos:

Mantenha contato sempre: Mesmo que chegue em casa e seu pimpolho esteja dormindo, a proximidade entre vocês não pode ser deixada de lado. “Não deixe de ir ao quarto do seu filho para dar um beijo ou fazer um carinho, mesmo se ele estiver dormindo. Esse contato fortalece o elo”. E antes de deitar, converse com o seu marido, pergunte como foi o seu dia. É importante a mulher separar um momento para o casal.

Organize a sua casa: É importante que desde pequeno os seus filhos aprendam a arrumar o quarto e separar a roupa suja da limpa. Ensiná-los a manter a organização evita deixar a casa bagunçada e brinquedos espalhados pelo chão.

Use o tempo a seu favor: Uma das maneiras de conseguir aliviar um pouco sua rotina para sobrar mais tempo para o maridão é dividir as tarefas. Se você e ele trabalham, nada mais justo que dividir igualmente as tarefas entre os dois.

Cuide-se: Evite ficar sobrecarregada pensando em dar atenção somente aos filhos e marido. Aproveite o tempo que sobrar para cuidar de si mesma também. Mantenha um hobby, atividade física e cursos que sejam relaxantes, ou saia com as amigas num dia da semana para jogar conversa fora.

Anúncios

Sobre Guilherme Derrico

Jornalista, músico e viciado em esportes. Sejam todos bem-vindos ao mundo de Derrico. Um abraço!
Esse post foi publicado em Reportagens. Bookmark o link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s