Saiba como eliminar os pelos no verão sem causar danos à pele

depilacao-a-laser-

Acabou aquela história que o verão é o pior inimigo dos tratamentos estéticos. Com o avanço da cosmetologia e a ajuda da alta tecnologia, existem métodos que podem ser feitos um pouco antes das temperaturas subirem, que é o caso da depilação a laser.

Segundo a dermatologista Dra Helua Mussa Gazi (CRM/SP 104862), o método de depilação a laser é praticamente indolor e a grande maioria das pacientes relata boa tolerância ao processo. “O que pode acontecer é o paciente sentir um leve desconforto, mas hoje em dia alguns aparelhos resfriam a pele antes de ocorrer o disparo do laser, tornando o processo indolor. O laser Soprano XL (laser de diodo), por exemplo, é considerado pelo mercado um dos aparelhos mais confortáveis para fazer a depilação”, explica Gazi.

A remoção de pelos com laser pode ser feita em qualquer local, desde axilas, pernas, virilhas, costas, buço ou peitoral. “A diferença é que algumas regiões do corpo apresentam pelos finos ou mais grossos. Dependendo da área a ser depilada pode ser necessário que o paciente faça mais sessões de depilação para conseguir eliminar completamente os pelos”, revela a dermatologista.

As vantagens da depilação a laser

O tratamento realizado com o aparelho Soprano XL pode ser feito no consultório, sem a necessidade de anestesia. “Alguns métodos de depilação aumentam a ocorrência de foliculite (infecção da base do pelo), vermelhidão e edema. Mas com o laser soprano as chances da pele ser agredida são bem reduzidas”, afirma.

E o melhor: pode ser usado em qualquer tipo de pele, mesmo nas bronzeadas. “O laser Soprano é recomendado para qualquer tipo de pele, já que o aparelho apresenta seis programas diferentes de tratamento de depilação”, destaca a médica.

Uma das novidades do Soprano XL é a tecnologia de aquecimento volumétrico do sistema SHR (super hair removal ou super remoção de pelos), que pode aumentar gradativamente a temperatura do folículo e dos tecidos até 45ºC, destruindo os pelos e prevenindo o seu crescimento sem causar danos à pele.

A duração da depilação pode ser de alguns minutos ou até uma hora, mas tudo vai depender da área a ser tratada. São necessárias, em média, cinco sessões para o tratamento em áreas como axilas, braços, virilhas, tórax, abdômen, costas e pernas. O intervalo entre as sessões deve ser de um mês. “Ao atingir a pele o laser destrói os pelos que estão em fase de crescimento. Após a primeira sessão, os pelos já ficam mais finos, e alguns são totalmente destruídos”.

É definitivo ou não?

Os pelos eliminados não voltam, porém, em alguns casos pode ocorrer o nascimento de pelos novos no local tratado. “Geralmente, quando a depilação é feita na virilha, axilas e pernas é mais difícil de acontecer, mas em locais como rosto, seios e barriga, os pelos podem voltar. Por isso a consulta antes da depilação é importante, pois assim é possível descobrir alguma alteração hormonal relacionada ao excesso de pelos.”, aconselha a Dra. Helua.

A médica receita alguns cuidados durante o tratamento:

– Não tomar sol após a sessão;

– Piscinas e praias podem ser frequentadas, desde que com proteção;

– Dê preferência a piscinas cobertas e se for à praia opte pelos períodos de menor incidência de raios solares;

– Evite o uso de cremes com ácidos na área tratada.

Anúncios

Sobre Guilherme Derrico

Jornalista, músico e viciado em esportes. Sejam todos bem-vindos ao mundo de Derrico. Um abraço!
Esse post foi publicado em Reportagens. Bookmark o link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s