A sua alimentação combina com o verão?

coco-5114

Com a chegada do verão, quem é que não quer exibir um corpo em forma, sem as gordurinhas marcando o biquíni? Não são só as mulheres, mas os homens também pegam firme na malhação nessa época do ano e fazem dietas restritivas para conseguir deixar o corpo enxuto, sendo que é aí que mora o perigo. Um deslize na alimentação durante o verão pode causar desidratação, intoxicações, infecções e problemas gastrointestinais.

Segundo o Nutrólogo André Veinert, no verão é natural o organismo gastar mais energia e perder mais líquidos. “É por esse motivo que se ouve tanto falar que é importante beber líquido no verão. Além disso, a água ajuda a regular as funções do organismo, desde o controle da temperatura até o bom funcionamento do sistema circulatório, prevenindo problemas de saúde nessa época do ano”, explica Veinert.

Água de coco, suco natural e água mineral são ótimas opções no verão. Além de hidratar o corpo, essas bebidas também refrescam. “A água de coco, por exemplo, é considerado um isotônico natural que pode ser consumido tanto por crianças e quanto por adultos”, comenta o nutrólogo. Vale lembrar que não se deve esperar sentir sede para ingerir líquidos, pois a sede já é um sinal de desidratação.

Quem descuidou da alimentação o inverno inteiro e agora faltando poucos dias para o verão se submete a dietas da moda, aquelas que prometem grandes reduções de peso em um curto período de tempo, precisa ficar atento à alimentação. “Essas dietas são muito restritivas e a pessoa acaba ficando sem energia para fazer exercícios físicos. Se o seu desejo é emagrecer para o verão, o ideal é começar por uma reeducação alimentar associada à atividade física. Dessa forma, é possível perder peso de maneira saudável sem colocar a saúde em risco”, alerta o especialista.

Alimentos que devem ser prioridade

Na hora da refeição, dê preferência aos alimentos leves e de fácil digestão, como saladas, frutas, legumes refogados, peixes ou carnes magras. “É importante evitar os alimentos industrializados que são ricos em sódio. No calor, o excesso de sal provoca uma retenção hídrica”, acrescenta o médico. Procure ingerir mais sucos, chás e água para repor a água e minerais perdidos pela transpiração. Evite os alimentos pesados e também de difícil digestão.

Dicas importantes para a época

– Inclua mais líquidos na sua dieta a fim de manter a hidratação. Boas opções são a água de coco e os sucos de frutas naturais ou integrais (cuidado com o exagero dos sucos se o objetivo for eliminar alguns quilinhos);

– Aumente o consumo de frutas, legumes e verduras. São ricos em vitaminas, minerais, fibras e água;

– Reduza a ingestão de frituras, carnes gordas e preparações com maior quantidade de gordura. Ela possui uma digestão lenta, podendo nos deixar mais indispostos;

– Inclua na dieta peixes como atum, sardinha e salmão, pois são fontes de ômega 3;

– Nunca elimine um nutriente da dieta, por exemplo, os carboidratos ou as proteínas. Todos possuem importantes funções no organismo e devem ser consumidos de modo adequado.

Anúncios

Sobre Guilherme Derrico

Jornalista, músico e viciado em esportes. Sejam todos bem-vindos ao mundo de Derrico. Um abraço!
Esse post foi publicado em Reportagens. Bookmark o link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s