Vida de Jornalista: quanto mais você estuda, mais fica deprimido

dep

Eis que, num dia como qualquer outro, Jonas Silva, jornalista, apaixonado pela arte de lidar com textos, começa sua jornada de trabalho. Ele acorda, se arruma, pega seu veículo e sai para enfrentar o trânsito caótico de São Paulo. Quando finalmente chega ao seu destino, nada de mais: estaciona, cumprimenta o manobrista, pega o elevador, escolhe o andar desejado e, enfim, senta em sua cadeira.

Liga o computador, arruma suas coisas e começa mais um expediente em sua rotina árdua. Dura sim, pois trabalhar usando a mente gera um desgaste enorme. Ao ler as manchetes, uma notícia chamou sua atenção: as pessoas que mais estudam são as que mais se sentem deprimidas.

Como sofrer de depressão é uma causa comum entre os jornalistas, Silva não se incomodou tanto com o que acabara de ler, porém, a mensagem o fez refletir:

_ Será que o fato de estudar tanto está gerando essa ansiedade que eu ando sentindo?

_ Ter acumulado conhecimento me transformou numa pessoa chata, triste ou arrogante?

_ Estudei para ser alguém na vida e me tornei um mero deprimido?

Mergulhado na fúria da sua mente, Jonas não chega à conclusão alguma. Mesmo não atuando mais em redação de jornal diário, quando lidava com problemas sociais o dia inteiro, o rapaz não consegue esconder sua ansiedade, irritabilidade, falta de sono, falta de interesse nas coisas, perda do gosto por atividades que antes o encantavam, etc.

Como sua saúde o tem deixado na mão nos últimos tempos, o jornalista também se questiona se o excesso do uso de medicamentos tem causado algum desses sintomas horripilantes.

Dor, estresse, correria, pressa, essas são as companhias inseparáveis de Jonas Silva. Sorrisos, alegria, descontração, palavras que já não fazem parte do seu cotidiano. Acho que o sujeito encontrou o seu caminho: a morte o aguarda ansiosamente e ele está pronto para partir, talvez, no fundo, isso seja o que Silva mais quer.

Anúncios

Sobre Guilherme Derrico

Jornalista, músico e viciado em esportes. Sejam todos bem-vindos ao mundo de Derrico. Um abraço!
Esse post foi publicado em Vida de Jornalista e marcado , , , , . Guardar link permanente.

3 respostas para Vida de Jornalista: quanto mais você estuda, mais fica deprimido

  1. Ébida disse:

    Ótimo texto! Parabéns!

  2. Tatiane disse:

    A depressão não é fruto de estudo, mas sim de doenças na alma. Estudar abre a mente e não fecha.
    Já dizia Albert Einstein : Uma mente que se abre a uma nova ideia jamais volta ao seu tamanho original.
    Dominar a mente e escolher os pensamentos ajuda a não alimentar as doenças da alma.
    Bjs Te amo!!!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s