Cia Fragmento de Dança faz ocupação na Funarte

foto eu outro - cia fragmento de danca - credito leo lin (2) bx

Em alguns campos da arte, o “real” é estudado num território estético próprio. Foi o interesse por esta investigação que levou a Cia Fragmento de Dança a realizar a Ocupação ENCONTROS NA CENA DEPOIMENTO, de 29 de novembro a 23 de dezembro, no Complexo Cultural Funarte SP, com ações e espetáculos que discutem a expansão de materiais autobiográficos em propostas cênicas.

Com trabalhos das artistas Célia Gouvea, Juliana Moraes, Janaina Leite e Uxa Xavier, que se relacionam com o eixo do projeto, ENCONTROS NA CENA DEPOIMENTO apresenta também Eu Outro (de 7 a 23 de dezembro, de quinta-feira a sábado, às 21 horas), o mais recente trabalho da Cia Fragmento de Dança.

Célia Gouvêa, em Alavancas e Dobradiças (dias 29 e 30 de novembro, quarta e quinta-feira, às 21 horas), expõe momentos pessoais de sua trajetória como criadora e bailarina e dança trechos de trabalhos autorais da década de 80. Em Desmonte (dias 2 e 3 de dezembro, sábado, às 21 horas e domingo, às 18h30), Juliana Moraes relata uma experiência pessoal vivida quando soube que seu parceiro e codiretor enfrentava uma doença grave. Os dois trabalhos infantis de Uxa Xavier com o grupo Lagartixa na Janela – Varal de Nuvens (dia 10 de dezembro, domingo, às 17 horas) e Breves Partituras para Muitas Calçadas (dia 17 de dezembro, domingo, às 17 horas) – trarão situações que exploram memórias de espaços e memórias remotas em tempos contemplativos da infância. Janaína Leite, que tem trabalhado em parceria com a Cia Fragmento de Dança há algum tempo, participa com espetáculo, oficina e discussão. Em Conversas com o Meu Pai (dia 1º de dezembro, sexta-feira, às 21 horas) Janaina trata da relação com o seu pai, que perdeu a capacidade de fala e se expressou através de bilhetes nos seis anos finais de sua vida.

A coreógrafa e diretora da Cia Fragmento de Dança, Vanessa Macedo, conta que criou um grupo de pesquisa que envolveu artistas das mais diversas linguagens para aprofundar questões relacionadas à autobiografia como abordagem para construção cênica em dança. “Esse projeto não somente traz para cena artistas que, de algum modo, se desnudam em suas obras através de relatos confessionais e atravessamentos de memórias pessoais, como também desenvolve essas questões por meio de oficinas e discussões que implicam investigar o modo como funciona a subjetividade nos tempos de hoje”, conta ela.

Novo espetáculo

Há algum tempo a Cia Fragmento de Dança tem investigado a fricção entre vida e obra, real e ficcional, envolvendo memórias, arquivos e depoimentos que resultam numa linguagem artística. No que vem chamando de Dança Depoimento, a Cia invade, expõe e divide ambientes íntimos, não somente para falar de si, mas para tornar-se o outro. Para a construção do espetáculo Eu Outro foram vários procedimentos, todos com o intuito de perceber como arte e vida dizem uma sobre a outra e como memórias que nos constituem não são propriedades privadas. A visita à casa dos avós que já não lhes pertence mais, o afastamento das redes sociais, a revelação de experiências traumáticas do corpo, tudo quer estar visceral para existir nesse tempo do agora.

“Algumas denominações como teatro documentário, teatros do real e cinema documentário sinalizam gêneros ou modos de produção específicos.  No caso da dança, esse debate não tem fronteiras claras. Por se fundar no corpo, parece-nos que a linguagem da dança, no desenvolvimento de seus processos criativos, já discute autobiografia, subjetividade e experiência. Mas é sobre investigar a expansão desse material em propostas cênicas, e o entendimento de como isso se traduz ou não para o espectador, que a Cia Fragmento enfoca sua pesquisa artística”, explica Vanessa Macedo.

Ações formativas

ENCONTROS NA CENA DEPOIMENTO, como o nome diz, têm o desejo de promover encontros entre artistas e público para que se possa conviver e discutir não só sobre fazeres artísticos, mas sobre possibilidades de produzir arte nos tempos de hoje. Além dos espetáculos, uma série de ações formativas – todas gratuitas – contempla a programação.

Com coordenação de Vanessa Macedo, a Cia Fragmento de Dança, realiza de 8 a 17 de dezembro, sexta-feira a domingo, das 14 às 17 horas, a oficina Investigações para uma Dança Depoimento. Os encontros prático-teóricos propõem discutir memória e autobiografia como disparadores de processos criativos. Já nos dias 8 e 15 de dezembro, sextas-feiras, das 10 às 13 horas, a atriz e diretora Janaina Leite ministra a oficina A Cena Depoimento, onde irá discutir conceitos como o de performatividade e auto mise-en-scène, além do questionamento sobre os limites entre arte e vida.

No dia 16 de dezembro, sábado, das 10 às 13 horas, acontece o encontro O sujeito contemporâneo na cena / política-arte-vida com o objetivo de refletir sobre o contexto político, arte e vida, com a participação de artistas da ocupação e convidados. A ocupação também abre espaço para o compartilhamento de trabalhos de artistas jovens ou de trabalhos em processo, envolvendo o eixo memórias, arquivos e autobiografias nas artes. Serão três noites de apresentação – dias 6, 13 e 20 de dezembro, às 20h30 –, priorizando trabalhos dos participantes das duas oficinas programadas para a ocupação.

SERVIÇO:

ENCONTROS NA CENA DEPOIMENTO – De 29 de novembro a 23 de dezembro na sala Renée Gumiel do Complexo Cultural Funarte SP. Com a Cia Fragmento de Dança. Ingressos – R$ 20,00 e R$ 10,00 (meia-entrada). As atividades formativas (compartilhamento, oficinas e encontro) são gratuitas.

COMPLEXO CULTURAL FUNARTE SÃO PAULO – SALA RENÉE GUMIEL – Alameda Nothmann, 1052 – Campos Elíseos. Telefone – (11) 3662-5177.  Capacidade – 53 lugares. Bilheteria – Abre uma hora antes da apresentação.

Anúncios
Publicado em Entretenimento | Marcado com , , , | Deixe um comentário

Cabaret Volant tem apresentação gratuita em SP

Espetáculo de circo são paulo Cabaret Volant circus San Pablo Cirque Cabaré Festival de Circo Festival Acrobatics Show Sabatino Brothers - Foto de Paulo Bar

No próximo sábado, dia 25, o público poderá se impressionar com um espetáculo aéreo, cômico e virtuoso. Será apresentado, às 20h, no Tendal da Lapa, a peça “Cabaret Volant”, da Cia Sabatino Brothers. Em cena a França da Belle Époque do século XIX, representada através de um show com trapézios, tecido acrobático, equilíbrio sobre arame e barra fixa. Para fechar, haverá um grandioso número de petit volant intitulado “CanCan Volant”.

O Cancan é uma dança francesa criada em 1850, realizada por lindas moças vestindo roupas coloridas e esvoaçantes, com liberdade total de movimentos e ao som de trombones e cornetas. Com passos acrobáticos, as dançarinas faziam a cidade de Paris perder a cabeça. Neste espetáculo, a trupe integra a comicidade e surpreende com seu novo virtuosismo. Sob direção cênica de La Mínima e tendo no elenco Sabatino Bros, Claudio Costa e Marcos Porto, é um espetáculo simplesmente imperdível.

SERVIÇO:

O que: Cabaret Volant

Onde: Tendal da Lapa

Quando: 25 de novembro, às 20h

Endereço: Rua Guaicurus, 1.100 – Água Branca

Telefone: (11) 3862-1837

Estacionamento Grátis na Rua Constança nº 72

Quanto: Grátis (Retirar ingressos com 01h de antecedência)

Classificação: Livre

Publicado em Entretenimento | Marcado com , , , , | Deixe um comentário

“Incrível Máquina de Livros” registra mais de 500 trocas feitas em apenas dois dias de funcionamento

imagem_release_1123423

Um carro estacionado no coração da Cidade de São Paulo tem gerado curiosidade nos que lá transitam, principalmente das crianças. Trata-se da “Incrível Máquina de Livros”, um SUV totalmente adaptado para troca de livros. De uma forma lúdica, prática e até mágica, crianças e adultos têm levado livros usados e trocado por outros.

A ação, que mistura cultura e diversão, está atraindo até mesmo pessoas de outros bairros, que geralmente não costumam passar pelo Centro (Praça Dom José Gaspar, local onde a máquina está). Nos dois primeiros dias de funcionamento, mais de 500 trocas foram feitas e a expectativa da Infinito Cultural, empresa que promove a ação, com apoio da Câmara Brasileira de Livros, é de que pelo menos 60% do total de 5.000 disponíveis seja trocado até o fim da campanha em São Paulo, que acontece nesta sexta-feira, dia 10.

A Incrível Máquina de Livros, que em 2012 teve uma pré-estreia na Bienal Internacional do Livro de São Paulo, surge agora como um projeto piloto, que inicialmente acontecerá em 4 cidades: além de São Paulo, de 7 a 10 de novembro, ela vai para São Bernardo do Campo, de 16 a 18 de novembro; Itu, de 23 a 25 de novembro; e Salto, de 30 de novembro a 2 de dezembro.

Na Incrível Máquina estarão disponíveis clássicos da literatura, livros finalistas do prêmio Jabuti (doados pela CBL, parceira do projeto), livros infantis e adultos, dos mais diversos gêneros, tais como O pequeno Príncipe; O Diário de Anne Frank; Dom Casmurro; Amora; As mentiras que as mulheres contam; Marcelo, Marmelo, Martelo; Harry Potter; Origem; O mundo dos livros; A droga da obediência; Rita Lee: Uma Autobiografia; Onde está a Bruxa; Dragões do Mundo; A confraria do medo; O ensandecido; A Divina jogada; Poemas – Marios de Sá; Quem é ela; Pai não fui eu; O menino misterioso; Simbá o Marujo e Uma breve história da Humanidade.

Publicado em Livros | Marcado com , , , | Deixe um comentário

Novo projeto: Acelera Derrico

1

Pessoal, é com muito orgulho que apresento mais um projeto: o portal Acelera Derrico.

Nele, vou abordar diversos temas sobre o universo do motociclismo em geral, ou seja, uma continuação do trabalho que desenvolvo na Revista Moto Adventure, porém, com um toque mais pessoal. Espero que gostem!

Acessem, já tem bastante conteúdo postado.

Publicado em Reportagens | Marcado com , , , | Deixe um comentário

Pâmela Alencar celebra medalha no Troféu José Finkel e garante: “Vou melhorar ainda mais”

318904_722494_ricardo_bufolin_

Pâmela Alencar, uma das principais nadadoras de peito do Brasil, atingiu ótimos resultados no Troféu José Finkel, disputado na Unisanta, em Santos, do dia 08 a 12 de agosto.

A nadadora do Esporte Clube Pinheiros conquistou a prata na prova de sua especialidade, os 200m peito, no sábado (12), último dia de disputa. Com o tempo de 2:28.77, atingiu sua segunda melhor marca da carreira. Ela foi a melhor brasileira da disputa, já que a argentina Julia Sebastian da Unisanta alcançou o primeiro lugar. Macarena Ceballos, do Minas Tênis Clube, completou o pódio.

“Não comecei tão bem a competição, mas consegui manter minha cabeça boa e chegar bem para os 200m peito, que foi no último dia. O resultado para mim foi muito bom, pois mais uma vez eu consegui sair da casa dos 2:30”, ressaltou Pâmela.

Além da marca conquistada nos 200m, a atleta também nadou a final dos 50m e 100m peito. Na primeira prova terminou em 8º lugar, com 00:33.20. Já nos 100m peito, atingiu 1:10.92, e alcançou a 6ª colocação.

O Esporte Clube Pinheiros foi campeão geral do José Finkel, com 2.469,50 pontos, e conquistou seu 14º título da competição. O Minas Tênis Clube ficou em segundo lugar, com 1.921,50, e a Unisanta em terceiro, com 1.751 pontos.

Publicado em Natação | Marcado com , , , , | Deixe um comentário

Riffel Motospirit lança jaqueta infantil Urban Kids

Foto_033-2017 (Jaqueta Kids - Riffel Motospirit)

Você sabia que criança pode andar na garupa das motos? Mas, além de pensar nos momentos de diversão e aventura, é preciso estar atento às regras de segurança para transportar os pequenos aventureiros. Essa precisa ser uma das prioridades quando se fala em passear em um veículo de duas rodas, por isso que só é permitido transportar na garupa crianças maiores de sete anos e que tenham condições de cuidar da própria segurança, segundo o Código de Trânsito Brasileiro (Inciso V, do Artigo 244).

Se você segue essas regras e costuma andar de moto com a família ou utiliza o veículo como meio de transporte no dia a dia, agora é possível levar os pequenos junto com muito mais segurança, estilo e conforto. A Riffel Motospirit lança a Jaqueta Urban Kids, pensada especialmente para a criançada andar fashion, ter mobilidade e, é claro, estar super protegida.

Foto_032-2017 (Jaqueta Kids - Riffel Motospirit)

Como criança gosta de liberdade e conforto, a peça conta com gola de neoprene, regulagem da cintura com velcro e ponto de ajuste com botão nos braços. O fechamento do punho é em zíper e velcro, o que deixa a jaqueta mais firme e posicionada corretamente no corpo. A peça ainda possuiu membrana resistente à água e um forro interno removível em forma de colete para os dias mais frios. O produto também recebe os mesmos itens de segurança dos adultos, como o tecido resistente à abrasão em gramatura 300De (unidade de medida usada para medir a gramatura do tecido), protetores homologados pela comunidade europeia, localizados no ombros, cotovelos e costas, refletivo para tornar a carona visível em cima da moto.

Uma opção segura, confortável e com personalidade para os pequenos motociclistas curtirem bons momentos de carona sobre duas rodas.

SAC: 0800 645 7870

Preço: R$ 499,00 à vista.

À venda em: http://www.riffel.com.br, e no varejo especializado em motocicletas.

Publicado em Reportagens | Marcado com , , , , , | Deixe um comentário

Harley-Davidson seleciona diversas peças de motorclothes para presentear os pais

Black Label - Spring 2017

São muitos os quesitos que tornam a Harley-Davidson mais do que especial. Além de seu cobiçado line-up de motocicletas emblemáticas, a marca centenária possui um lifestyle único em todo o mundo, com itens e elementos exclusivos que fazem parte da vida dos clientes e aficionados. Muitas pessoas encontram nesse estilo de vida uma forte conexão, e se identificam com o desejo de alcançar o sonho da liberdade individual.

Os mais de 21 mil itens que a marca oferece contemplam tanto peças de vestuário como jaquetas, camisas e camisetas, cintos, bonés e botas, quanto carteiras, relógios e pulseiras. Para decorar os ambientes há uma infinidade de opções de colecionáveis, como relógios de parede, quadros, luminárias, tambores de combustível, placas, bancos, mesas e itens como copos, abridores de garrafa e kit de vinho.

Paizão motociclista

Black Label - Spring 2017

Especialmente para o Dia dos Pais, a Harley-Davidson do Brasil seleciona algumas peças de vestuário que traduzem mensagens de atitude e personalidade relacionadas à marca e podem ser encontradas em qualquer uma das concessionárias autorizadas da companhia em todo o País. Esses produtos englobam roupas para uso diário, além das funcionais, focadas para aprimorar a experiência e segurança durante a pilotagem.

Um bom exemplo é a camisa xadrez, feita 100% de sarja de algodão. O modelo nas cores azul, branca e preta tem bolso de botão no peito, patch de couro acima do bolso esquerdo e veste muito bem os pais com estilo despojado.

Para aqueles que são mais linha dura, a marca oferece a jaqueta masculina de estampa camuflada, tipo “exército”, com detalhes de caveiras e feita 100% em nylon. Sem forro e resistente à água, ela é extremamente leve e conta com capuz e cintura ajustáveis, além de punho com elástico.

Outra opção é a calça masculina preta, elaborada com 98% de algodão e 2% de spandex. O desenho da costura da perna conta com leve inclinação para o tornozelo. O modelo tem cinco bolsos, sendo dois frontais, dois traseiros e um exclusivo para moedas, também frontal. A peça é confeccionada com tecido duplo nos joelhos, visando garantir maior durabilidade.

Peças exclusivas

JULY

Para compor com a calça preta descrita, a marca sugere o cinto masculino feito 100% de couro bovino na cor preta e com acabamento de textura desgastada, com fivela removível, em alumínio, que leva o nome da marca.

Os pais que não dispensam o uso de camisetas têm duas opções da coleção Harley-Davidson. A primeira, feita 100% de algodão, é preta e de magas longas, com estampa retrô e o logo da HD. Já a segunda é cinza e de manga curta, também feita 100% em algodão e com uma estampa que lembra um grafitti.

A jaqueta jeans agrada os pais dos mais diversos estilos. Feita 100% em algodão, ela não tem forro e é elaborada com dois bolsos laterais e dois bolsos na parte da frente. Também possui um patch de couro marrom no bolso lateral esquerdo que agrega ainda mais estilo ao pai que vestir a peça.

Vestuário completo

Black Label - Spring 2017

Por fim, o colete masculino preto, feito 100% de lona de algodão, é uma alternativa moderna e leve. Sem forro, ele conta com sete bolsos frontais e um patch de couro marrom na aba do bolso inferior esquerdo para vestir bem os pais que gostam de estar na moda.

Para qualquer uma das escolhas, a marca oferece todos os produtos feitos com materiais da mais alta qualidade, que agregam um estilo único e diferenciado às peças, tanto as roupas quanto os objetos colecionáveis. Seja o pai um motociclista experiente ou apenas um entusiasta da marca, os presentes são exclusivos e cheios de personalidade, e atendem a todos os estilos.

Publicado em Reportagens | Marcado com , , , , | Deixe um comentário